Roberto Amaral – Carapicuíba – SP

Roberto Amaral – Carapicuíba – SP

Gostaria de compartilhar a minha experiência como aluno da CTA.

Sempre quis estudar eletrônica, mais sempre ficava em último plano, até que no final de 2014 entrei em uma empresa que possui laboratório de eletrônica e houve a oportunidade de mudar de setor, isso me despertou para fazer o curso de eletrônica.

Comecei a pesquisar alguns cursos na área e um técnico do laboratório me indicou um curso a distancia e afirmou que o mais importante era o diploma, pois não iria usar na pratica o que se ensina nos cursos.

Outro amigo técnico disse a mesma coisa e me aconselhou a pesquisar reparos e defeitos postados na internet.

Mas, não era o que queria, até que conversando com o meu irmão, falou da CTA.

Entrei no site e achei muito diferente do que já tinha pesquisado principalmente por não usar escala ôhmica.

Apesar dos dois primeiros técnicos dizerem que estaria jogando dinheiro fora, continuei pesquisando e não achava nada semelhante ao método da CTA.

Foi aí que resolvi arriscar e iniciar meus estudos na CTA.

No começo foi muito difícil para assimilar, pois não tinha nenhum conhecimento, mais pela metodologia da CTA e a feitura dos blocos semanais fui pegando gosto nos estudos, e comecei ter mais facilidade para raciocinar as matérias pois aprende-se o que se usa na prática.

Após um tempo, encontrei o meu amigo que é técnico e eu estava com um bloco de exercício que tinha malhas com resistores, capacitores, bobinas e diodos ele não quis nem tentar resolver um exercício.

Já o técnico do laboratório, começamos a conversar sobre o assunto e ele ficou admirado com o nível de ensino da CTA, e me aconselhou… “continue estudado nessa escola pois é uma escola séria”.

betomaral90@gmail.com