Ir para a página inicial


São Paulo - Brasil

Notícias

 
A GRAVE CRISE MUNDIAL JÁ AFETA O BRASIL

Foto

O que empresas e profissionais devem fazer no meio da crise? O impacto da crise no Japão atingindo gigantes do setor de eletroeletrônicos. O que analistas políticos dizem sobre seus efeitos no mundo e principalmente no Brasil. Saiba mais...




O que está acontecendo hoje no mundo é conseqüência de uma economia virtual, onde a maioria das empresas tem seu capital baseado em valores de ações.

Tudo começou com uma crise verdadeira no mercado imobiliário americano, que acabou atingindo um ou dois bancos e se esparramou para outros bancos e empresas como fogo na palha, por rumores e más notícias.

Está havendo uma crise de confiança... Confiança no quê? Se for no dinheiro ou aplicações, não somente perderemos mas ficaremos à deriva muitos anos. Desapareceram do planeta trilhões de doláres... que na verdade nunca existiram. Segundo Mirian Leitão, os valores das ações são virtuais e somente tornam-se concretos quando há uma verdadeira negociação em dinheiro. Logo empresas que por ano estava seguras, confiando no valor de suas ações, hoje estão completamente quebradas!

Quanto aos bancos mundiais, são os mais afetados pois dependem que o dinheiro que foi emprestado, a juros relativamente baixos (se comparados ao Brasil) forem pagos. Mas no momento, o retrato é de uma inadimplência muito alta.


A REALIDADE BRASILEIRA

Como a política de juros no Brasil é totalmente diferenciada do mundo, e os bancos aqui tem lucros astronômicos, podemos dizer que estes mesmos bancos, nos próximos meses terão lucros menores, mas ainda acima da realidade mundial, antes da crise.
Apesar disto, um especialista do mercado financeiro, disse-me que o crédito no Brasil, no momento encontra-se assim:
1 - As empresas que tinham crédito limitado, não mais a terão, pelo menos no momento.
2 - As empresas que tinham crédito ilimitado, terão crédito reduzido.
3 - As empresas que não precisam de crédito, mas utilizam-se dele para fazer investimentos e ampliar seus negócios - compra de máquinas e equipamentos, suspenderam os investimentos.
Assim, a concessão de crédito no Brasil já caiu 50%, poucas semanas após o início da crise e como nas Bolsas pelo mundo afora, a nossa já caiu 50%, e claro quebrando uma série de empresas que dependem da realidade VIRTUAL!


O INÍCIO DA RECESSÃO

As empresas no Brasil, farão menos investimentos, importarão menos, cortarão gastos, e infelizmente também postos de trabalho... haverá demissões e muito menos vagas para empregos...
O consumidor comprará menos e serviços menos essenciais sentirão mais a carga da crise!


COMO FAZER DA CRISE UM FATOR DE CRESCIMENTO

As empresas diminuirão seu ritmo, mas não pararão... os consumidores consumirão menos... mas continuarão consumindo... os serviços continuarão sendo necessário... mas numa melhor seleção. Enfim, para alguém sustentar-se em um emprego, terá que possuir as seguintes características:
1 - Ser um diferencial na empresa em que trabalha, ou seja, seja realmente indispensável.
2 - Ter formação adequada e se atualizar com treinamentos de uma forma intensa e constante.
3 - Saber lidar com gente, ser humilde, trabalhar em equipe e estar disposto a lutar pelo crescimento da empresa em primeiro lugar.

Para quem ainda pretende entrar no mercado de trabalho:
1 - Ter prepração adequado para enfrentar os testes das empresas, pois com menos dinheiro, as empresas somente investirão nos melhores.
2 - Caso a opção seja ser dono do próprio negócio, como autônomo ou empresário, necessitará de uma capacitação e atualização ainda maiores, dos que estão nas empresas.


A CAPACITAÇÃO DA ESCOLA CTA ELETRÔNICA

O reconhecimento de diversas instituições, onde podemos destacar a Sony Brasil e Fundação Bradesco, ratifica os excelentes resultados obtidos pelos nossos alunos em seu dia-a-dia nas empresas.
Se pegarmos como base alunos dedicados - aproveitamentos acima de 85% - têm ganhos médios acima de R$2.000,00 (mais de 5 anos nas empresas) quando terminam o módulo 6 e acima de R$3.500,00, quando terminam todo o ciclo de estudos. Estes salários estão acima da média normal para a área de eletrônica.
Alguns alunos, nem possuindo ensino médio, ganham salários superiores a R$4.000,00.
Conversando com diversos alunos sobre o por quê destes salários, eles destacam o diferencial de dominar ou saber o que realmente está acontecendo, de uma forma mais rápida e barata para a empresa, criando claro lucros maiores para ela. Ninguém paga salários somente por formação, mas por resultados!


NA CRISE, CORTAM-SE GASTOS SUPÉRFLUOS E INVESTE-SE EM EDUCAÇÃO!

Assim, enquanto a CRISE e RECESSÃO mundial, estão levando muitos à falência, para outros que investem em educação, transforma-se-a em um fator de crescimento e sucesso!

Contratar Técnicos | NotíciasCadastre-se | Bom Dia | Mural | Contato